Soc. Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte

 

Redes Sociais:

Cobertura do Congresso Brasileiro de Medicina do Exercício e do Esporte – 23/08

  No quarto e último dia do 26o Congresso Brasileiro de Medicina do Exercício e do Esporte, que aconteceu no Ouro Minas Palace Hotel, em Belo Horizonte, o público pôde

Notícias

 

Depois de participar do 26. Congresso Brasileiro de Medicina do Exercício e do Esporte, dividindo o seu conhecimento científico em sua longa carreira, Dr. Kenneth Cooper, que já treinou com o seu método o exército norte-americano, astronautas da NASA e a seleção brasileira tri-campeã nos anos 70, deu o ar da graça neste domingo em uma caminhada que iniciou às 11h00 na Praça JFK em Belo Horizonte, Minas Gerais. Aos 83 anos e mantendo o mesmo peso há cerca de 30 anos, o simpático senhor, cujo nome no Brasil é sinônimo de corrida, posou para fotos com os fãs e deixou a mensagem: "Exercício é remédio" neste belo dia na capital mineira.

 

Da esquerda para direita: Drs. Ronaldo Cançado, Samir Salim Daher, José Kawazoe, Mr. Kenneth Cooper e Marcelo Leitão.

 

26. CBMEE realização SBMEE.

 

 

No quarto e último dia do 26o Congresso Brasileiro de Medicina do Exercício e do Esporte, que aconteceu no Ouro Minas Palace Hotel, em Belo Horizonte, o público pôde conferir as últimas mesas redondas matutinas. Os temas: Lesões Osteocondrais, com a coordenação do membro das equipes do Hospital das Clínicas- UFMG e Biocor Instituto, Lucas de Castro Boechat, teve o diretor científico da Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte, Marcos Laraya falando dos tratamentos para o joelho, além de Lucas Jacques (Cotovelo), e do membro do Serviço de Ortopedia e Traumatologia do Hospital Madre Teresa, Wifel de Almeida Benevides (Tornozelo).

 

Simultaneamente, um assunto que encheu o Auditório A e mobilizou a plateia com perguntas: Atividade Física no Idoso. “É um tema atual. Temos que vencer preconceitos para fazer com que o idoso pratique esporte e a família saiba a importância disso, disse o coordenador, especialista em joelho e traumatologia e mestre em saúde e envelhecimento da Faculdade de Medicina de Marília, Ricardo Yanasse. Dr. Fernando Torres, falou da capacidade de aprimoramento do idoso em um curto período, as variáveis dos exercícios para essa faixa no combate ao sedentarismo e às doenças cardiovasculares. Por fim, Ronaldo Cançado, deu a sua opinião sobre o Congresso. “Ele foi muito bem organizado e o mérito é muito da comissão organizadora. Eu, que batalhei muito, fico satisfeito.” Yanasse concordou com a organização e contou que acompanha o crescimento da Sociedade. “As palestras e discussões têm melhorado e temos condições de crescer na parte de pesquisas também.

 

O terceiro dia do 26° Congresso Brasileiro de Medicina do Exercício e do Esporte iniciou às 8h30 de sexta-feira com a realização dos Temas Livres. No auditório A, três palestrantes exibiram seus estudos sobre temas totalmente distintos, mas com resultados bastante significativos.

 

Juliana Monique Lino Apareciso, fisioterapeuta da Universidade Cidade de São Paulo, apresentou "A influência de seis sessões de hit sobre o padrão de oxidação de substratos". A seguir, Alex Amaral Gomes Silva, da UFMG, apresentou detalhes de outra pesquisa, Estudo da influência de diferentes velocidades de ações musculares na força dinâmica, número máximo de repetições e percepção subjetiva de esforço. Para encerrar a mesa-redonda, Nanci Mendes Pinheiro, da Universidade Federal do Triângulo Mineiro, deu estatísticas sobre "O Efeito da radiofrequência sobre o reparo tecidual em ligamento patelar de ratos Wistar".

 

Uma das mesas redondas que mais atraiu a atenção da plateia foi sobre “Distúrbios Metabólicos. Displidemias, Diabetes e Obesidade foram debatidas por Daniel Jogaib Daher, especialista em cardiologia e medicina do esporte, a endocrinologista do Centro de Diabetes de Belo Horizonte e do Projeto Volta Monitorada, Amanda de Souza Silva, e Franz Homero Paganini Burini, médico do esporte e doutor em nutrição humana aplicada, nesta ordem. Este último falou sobre o exercício físico otimizando os benefícios no combate à obesidade. “Hoje em dia, nos EUA, muitos médicos já focam primeiramente na obesidade e assim atenuam todos os males associados.”

Na manhã de quinta-feira, os auditórios do Ouro Minas Palace Hotel receberam o público para conferir o segundo dia do Congresso.

 

 “Um dos papéis do Congresso é a gente conseguir mobilizar quem lida com a saúde: médicos, educadores físicos, fisioterapeutas e nutricionistas de serem porta-vozes do exercício na promoção de saúde e com segurança. O sedentarismo está relacionado a 5,3 milhões de mortes anualmente no mundo”, declarou o presidente da Sociedade Mineira de Medicina do Exercício e do Esporte e cardiologista Marconi Gomes da Silva no Auditório C. Ele mostrou uma pesquisa sobre a utilização da bicicleta como modo de transporte em uma cidade montanhosa (no caso a capital mineira).

Começou hoje, 20 de agosto, o 26o Congresso Brasileiro de Medicina do Exercício e do Esporte no Ouro Minas Palace Hotel, em Belo Horizonte, Minas Gerais. O evento mais importante da área de medicina esportiva deve receber cerca de 1.500 visitantes até o dia 23 de agosto entre médicos do esporte, além de educadores físicos e especialidades relacionadas.

 

Nesta quarta-feira o Congresso foi palco de cursos que debateram assuntos de interesse da área, como o de Reabilitação Cardíaca, coordenado pelo médico do esporte Dr. Daniel Arkader Kopiler, do Rio de Janeiro. Ele falou sobre a prescrição dos exercícios nas doenças cardiovasculares e abordou, entre outros assuntos, as fases da reabilitação cardíaca e atividade física nos pacientes hipertensos.

O médico do esporte e traumatologista Dr. João Alves Granjeiro Neto confirmou a participação no 26o Congresso Brasileiro de Medicina do Exercício e do Esporte. Nome importante da especialidade, a expectativa é grande para a palestra do médico considerado referência em sua cidade, o Rio de Janeiro.

 

O Congresso acontece entre os dias 20 a 23 de agosto no Hotel Ouro Minas, em Belo Horizonte, Minas Geras, e deve reunir aproximadamente 1.500 visitantes, entre médicos, nutricionistas, educadores físicos, estudantes e demais profissionais ligados à medicina esportiva.

 

Encontre um Especialista

Clique aqui para fazer sua busca por um especialista por Nome ou Cidade
 
ou CADASTRE-SE
Clique aqui para se cadastrar e ter seu nome exibido na listas de especialistas.

Eventos

Mais acessados

26. Congresso Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte – Caminhada Praça JFK

  Depois de participar do 26. Congresso Brasileiro de Medicina do Exerc

Leia mais »
Cobertura do Congresso Brasileiro de Medicina do Exercício e do Esporte – 23/08

  No quarto e último dia do 26o Congresso Brasileiro de Medicina do Exe

Leia mais »
Cobertura do Congresso Brasileiro de Medicina do Exercício e do Esporte – 22/08

O terceiro dia do 26° Congresso Brasileiro de Medicina do Exercício e do E

Leia mais »
26. Congresso Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte – 21/08

Na manhã de quinta-feira, os auditórios do Ouro Minas Palace Hotel receber

Leia mais »
COBERTURA 26. CONGRESSO BRASILEIRO DE MEDICINA DO EXERCÍCIO E DO ESPORTE – DIA 20/08

Começou hoje, 20 de agosto, o 26o Congresso Brasileiro de Medicina do Exercíci

Leia mais »

Últimos comentários